jusbrasil.com.br
20 de Outubro de 2020
    Adicione tópicos

    Categoria em Mato Grosso já definiu os seus representantes para a Plenária da Fenajufe

    Os servidores do Judiciário Federal de Mato Grosso elegeram os Delegados de Base para a XX Plenária Nacional Extraordinária da Fenajufe, que ocorrerá de 24 a 27 de novembro, em Brasília. Jamila Abrão Fagundes, Amer Khalil e Edivaldo Rocha dos Santos foram eleitos na assembleia geral da categoria, realizada na tarde de ontem (20), do SINDIJUFE-MT.


    Mato Grosso também será representado por Rodrigo Carvalho, na condição de coordenador da Fenajufe, e Walderson de Oliveira, como diretor do SINDIJUFE-MT. Na Plenária, os Delegados de Base participarão das discussões e deliberações das propostas de Resoluções apresentadas ao 9º Congrejufe (acesse pelo link: http://www.fenajufe.org.br/images/Resolucoes9.pdf) que foram remetidas para apreciação da Plenária Nacional.


    Além da escolha dos delegados para a Plenária da Fenajufe, a assembleia discutiu e deliberou sobre a proposta de mobilização na próxima terça-feira, 25 de outubro, “Dia Nacional em Defesa do Serviço Público”. Foi aprovado que será realizada uma assembleia juntamente com Ato, no dia 25 de outubro, às 15 horas, na seção Judiciária de Mato Grosso.


    Os participantes da assembleia reiteraram a importância da inserção da Categoria no calendário da Fenajufe, que indica o Dia Nacional em Defesa do Serviço Público e Contra a PEC 241/2016. A ‘PEC da Maldade’, como ficou conhecida, congela por 20 anos os orçamentos dos poderes, os investimentos dos serviços públicos essenciais à população, como Saúde e Educação, e os salários dos servidores.

    A mobilização do Dia Nacional em Defesa do Serviço Público buscará impedir o segundo turno de votação a PEC 241/2016 no Congresso e dia 25 Manifestações nos Estados. presidente da Câmara Federal, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), pretende colocar em votação na Câmara dos Deputados, no dia 24 de outubro. As Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais e a Fenajufe também indicam a primeira quinzena de novembro, com a data de referência do dia 11 de novembro para a deflagração da greve geral contra as medidas de ajuste fiscal que permitem desestruturar o serviço público, desmantelar a política de Saúde, de Educação, da Seguridade Social e demais direitos sociais apenas para possibilitar a destinação de mais recursos para o pagamento da dívida pública.


    Luiz Perlato - SINDIJUFE-MT

    Em 21-10-2016





    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)